Blog do Ap Josué Barbosa

domingo, 5 de setembro de 2010

ORANDO COMO JESUS OROU

Mt 6:5-15

INTRODUÇÃO

Jesus como Filho de Deus, era sabedor que antes de tudo, tinha um propósito a realizar em favor do homem. Tinha dentro de si um desejo intenso de falar com Deus, pois sabia que somente através da oração poderia estabelecer um elo com Deus pai. Alguém falou em determinado momento: “Deus dá maior valor à nossa oração e comunhão com Ele, do que qualquer serviço”. “Um dia sem oração é um dia sem benção, e uma vida sem oração é uma vida sem poder”. O profeta Daniel preferiu passar uma noite com os leões do que passar um dia sem oração.

ORAÇÃO; UMA DEFINIÇÃO.

Orar é estender toda a nossa incapacidade e a de outros, em nome do Senhor Jesus Cristo, perante os olhos carinhosos de um Pai que tudo sabe tudo entende, tudo acolhe e tudo responde. A Oração é a respiração e o suspiro do espírito humano por Deus.

A NECESSIDADE DA ORAÇÃO

A razão de todo fracasso, é a falta de oração. Para verificar isso, basta estudar a vida de Saul (no AT) e Judas Iscariotes (no NT). Estes homens não tinham o hábito de orar. Ou ainda, analisando as atitudes de alguns servos de Deus em que não oraram antes de tomar algumas atitudes. Abrão, antes de tomar por mulher Hagar, ou antes, de descer ao Egito. O apóstolo Paulo não orou antes da desavença com Barnabé por causa de João Marcos (Atos 15:36-41). A grande tragédia de Davi veio quando ele passeava sem oração no terraço da casa e viu a Bate-Seba. Citamos apenas alguns exemplos de homens dedicados a Deus. Contudo, em alguns momentos de vacilo, sofreram as conseqüências por não vigiarem em oração. Sendo assim, é bom que todo homem busque ao Senhor em oração em tempo de poder encontrá-lo, Salmo 32:6ª.

COMO SE DEVE ORAR

Um grande homem de oração, Jorge Müeller, descobriu que é melhor começarmos o dia pela leitura da Palavra de Deus, do que diretamente orar, ilustra isso da seguinte forma, pelos dois elementos necessários ao cilindro do automóvel, para produzir a explosão e a força resultante. O primeiro elemento é a centelha, o segundo o combustível. Ora, no coração do crente a centelha pode estar presente logo cedo; mas para que haja poder em oração, precisamos encher o coração do combustível da palavra de Deus. A leitura da Palavra de Deus em atitude humilde, e a meditação diária e planejada, resultam em fé, em poder, em vontade de orar. João 6:63: Mas a própria leitura da palavra devemos começar com uma breve oração, Salmos 119:18. Em oração devemos adorar ao Pai pelo o que ele é, Romanos 11:33. Devemos agradecer ao Senhor pelo que já fez por nós e por outros, Lucas 17:17-18. Devemos adorá-lo com louvores, Salmo 107:8. Achegando-se a Ele como filho, é preciso antes de tudo, entender que Deus é também nosso próprio Pai querido. (Is 40:22ª; Rm 8:15. Gl 4:6.). Devemos ver a miséria do próprio coração e vendo a glória e a graça de Deus, assim curvando a cabeça e confessando o que somos. I João 1:9.

IMPEDIMENTOS À ORAÇÃO
O RANCOR constitui-se em um dos principais obstáculos à oração, pois o cristão deve aprender a liberar perdão e com isso, o rancor, e isto só será possível, com a prática da oração. Mateus 6:14-15.
O EGOÍSMO, muitas esposas querem a salvação de seus esposos, apenas para que haja mais alegria no lar. Contudo, devem lembrar-se que a principal razão deve ser a glória de Deus e resgate de outras famílias. Muitos pais oram por seus filhos, mais nunca levantaram a voz em favor dos filhos de seus melhores amigos, digo, que tenham orado com fervor por eles, e isso é egoísmo, Deus quer que intercedamos pelos outros. Jó 42;10. Mt 6:10.
A FALTA DE AMOR NO LAR, muitos homens que parecem anjos em público e demônios em casa, não sabem por que suas orações não são respondidas, esposas ciumentas e injuriosas, dadas a gênios e queixas, admiram-se quando suas orações não são respondidas, o mesmo acontece com filhos desobedientes. I Pe 3:6-7.
MESQUINHEZ, o apóstolo Paulo alegrou-se com a igreja de Filipos ter repartido as suas finanças com ele. Fp 4;16. O apóstolo abençoou aquela igreja Fp 4:19 . Deus é grande doador e Ele derrama as suas melhores bênçãos sobre aqueles que não querem guardar nada para si. João 3:16; I João 3:17 e 22. Há ainda vários outros impedimentos: ingratidão, Rm 1:21; orgulho, Jó 35:12-13; vontade própria I Samuel 15:15:22-23.

CONCLUSÃO

O que produzia maior desejo e admiração nos corações dos discípulos eram as orações do Senhor Jesus. Lc 11:1. Se o Filho de Deus achou a oração necessária em sua vida, que lugar você acha que deve ocupar em nossas vidas? Devemos orar com persistência, as demoras de Deus não são negações. Cada dia chegamos mais perto da resposta. Lc 11:9.


Josue Barbosa

Um comentário:

  1. amém irmão
    gostei das postagens
    vamos nos seguir?
    www.vamoscompartilharoamordejesus.blogspot.com
    me segue lá que eu te sigo aqui
    Deus abençõe !
    Marcelo

    se já tiver me seguindo me avise, gostei mesmo de sua postagem....

    ResponderExcluir